Espaço Família | Como Cresceram

Atividades

4 de Dezembro de 2014

Vamos jogar ao Monopólio?

quarto_das_brincadeiras_monopolio_855bc889d34b127f0d0b952b362c2a29

O jogo do Monopólio nasceu nos Estados Unidos há quase 80 anos, em 1935, mas apesar de ser velhinho, é um jogo de tabuleiro que vem mesmo a calhar quando se fica por casa. É que enquanto os miúdos atiram o dado, compram propriedades e tomam conta do banco, vão aprendendo a obedecer às várias regras do jogo, sem batota, e a respeitarem os adversários quando ganham – o que nem sempre é fácil para os adultos, muito menos para petizes de cinco anos. Ganham também experiência útil a contar dinheiro e a fazerem trocos (com notas falsas, ah pois) ou a desenhar complicadas estratégias de negócio, pois quem mais fortuna tiver acumulado é o vencedor. Ainda para mais, existe uma versão simplificada e rápida para os mais novos, mas à mesma desafiante, que é o Monopoly Junior (dos 5 aos 8 anos), e todas as outras versões admitem crianças com mais de 8 anos. Aqui por casa temos um “velhinho” Monopoly Junior e também um Monopoly Mundial (com propriedades em cidades de todo o mundo) , que é regularmente revisitado. Uma pena é que apesar de tanta experiência no Monopólio, os mais novos não se tenham transformado ainda em micro-empreendedores de negócios. Mas quem sabe? Não vamos desistir facilmente.

Idades:  6-8 anos, 9-12 anos, Mais de 12 anos

Informação adicional: 

O objectivo do jogo do Monopoly é ser o jogador com mais dinheiro quando um dos jogadores ficar sem nenhum. Para isso, os jogadores (entre 2 a 4 no Monopoly Junior) têm de contar com a sorte, pois lança-se o dado, mas também precisam de tentar uma estratégia. O ideal é conseguirem propriedades da mesma cor, pois poderão cobrar o dobro do dinheiro a quem lá passe.

quarto-das-brincadeiras-logotipo

Uma ideia por dia para se divertir com as suas crianças.