Atualidade

5 de Novembro de 2013

Vacina contra bronquiolite com bons resultados

Syringe

Uma vacina experimental contra o vírus sincicial respiratório (VSR), uma das principais causas de infeção e hospitalização nas crianças, revelou pela primeira vez um nível elevado de proteção em testes com animais, avançou a “Science”, revelando que já estão previstos ensaios clínicos.

O VSR é o principal agente da bronquiolite, uma das infeções do aparelho respiratório mais frequentes nos primeiros dois anos de idade, e pode causar, a longo prazo, pieira recorrente e asma. Estima-se que cerca de 40 a 60 por cento das crianças são infetadas no primeiro ano de vida e 95 por cento já foram infetadas até aos dois anos de idade. No mundo, esta patologia está na origem de cerca de sete por cento das mortes de crianças entre um mês e um ano.

“Um grande número de doenças infeciosas frequentes nas crianças é evitável graças à vacinação, à exceção das infeções provocadas pelo vírus sincicial, contra o qual nenhuma vacina havia sido desenvolvida até agora, apesar de dezenas de esforços”, revelou o diretor do Instituto Americano de Alergias e Doenças Infeciosas, Anthony Fauci.

“Os trabalhos sobre esta vacina experimental marcam um passo importante. Permitem uma forte proteção nos animais de laboratório”, acrescentou em comunicado, sublinhando igualmente que a técnica utilizada pode ser aplicada para desenvolver vacinas contra outras doenças virais, incluindo o VIH.

A técnica aplicada nesta vacina experimental, designada por “biologia estrutural”, examina o agente patogénico ao nível atómico, o que permitiu descobrir uma proteína do vírus que assume um papel determinante na fusão e infeção das células e a partir da qual foi possível fabricar a vacina, agora testada em ratos e macacos com resultados positivos.

 

Fonte: Imprensa escrita

Comentários

  1. GOSTO!!!!!!!!!
    A minha mais nova tem sido uma recorrente das bronquio…. começou ao 1 ano, ou seja o inverno passado e este já anda a singulair e a broncovaxon….
    “Portantos”, a modos que gosto mesmo desta notícia! Não pra ela, pq tenho a certeza q já não virá a tempo, mas para futuros meninos e meninas q venham a prcisar!