Espaço Família | Como Cresceram

Saúde

30 de Setembro de 2014

Saúde Oral durante a gravidez

gengiva_saudavel    gengivite

Gengiva Saudável                                                                      Gengivite

A saúde oral faz parte da saúde geral. Durante a gravidez, existem fatores que contribuem para o aparecimento e agravamento de problemas da cavidade oral, que são prejudiciais para a saúde da mãe e a do bebé em desenvolvimento: aumentam o risco de parto prematuro, menor peso à nascença, entre outros. Combatê-los é uma prioridade para a mãe e para a equipa de saúde oral.

As principais doenças que podem surgir são a inflamação gengival (gengivite) e o risco aumentado de cárie dentária.

Geralmente há alterações da dieta durante a gravidez: ingerem-se mais açúcares e mais vezes durante o dia, causando maior acumulação de restos alimentares e bactérias juntos aos dentes e gengivas. O aumento das hormonas em circulação e a crença errada de que não se pode ir ao dentista durante este período também contribuem para o aparecimento e agravamento dos problemas em causa.

O tratamento mais eficaz e mais importante é a prevenção, que combate o aparecimento de infeções através de bons hábitos de saúde oral muito antes da gravidez. Estes consistem em:

– Escovar os dentes todos os dias duas vezes por dia (uma delas sempre à noite) utilizando uma pasta de dentes com flúor;

– Usar uma escova macia, não escovar com força e demorar pelo menos 2 minutos de forma a ser eficaz e não agressivo;

– Usar fio dentário uma vez por dia, preferencialmente à noite;

– Evitar alimentos açucarados (bolachas, bolos, doces, refrigerantes e sumos de pacote, entre outros);

– Escolher alimentos nutritivos para si e para o seu bebé (fruta, legumes, carne e peixe, pão integral, leite, água, entre outros);

– Ir ao Médico Dentista/Higienista Oral regularmente antes, durante, e depois da gravidez. Isto previne o aparecimento de doenças e permite a sua deteção e

tratamento precoces. O risco causado por uma infeção ativa ultrapassa os possíveis riscos dos tratamentos dentários.

Avise o Médico Dentista/ Higienista Oral da gravidez. Durante a gravidez:

– Pode realizar tratamentos dentários com segurança (período preferencialmente 2º trimestre da gravidez);

– Pode levar anestesia dentária (Avisar sempre que o Médico acerca da gravidez, uma vez que há preferência de utilização de alguns tipos de anestesia);

– Pode tomar alguns antibióticos (unicamente se recomendado pelo Médico ou Médico Dentista);

– Nunca fazer auto-medicação.

Por fim, informe-se acerca do cheque dentista no site da Direção Geral de Saúde (www.dgs.pt).

O MELHOR TRATAMENTO É A PREVENÇÃO! Tenha bons hábitos de saúde oral durante toda a vida, combatendo os problemas antes mesmo de estar grávida.

Crónica escrita por:

Dra. Madalena Spratley (Médica Dentista)

logo