Atualidade

29 de Julho de 2015

Papa Francisco coloca heliporto vaticano à disposição das crianças doentes

Os helicópteros poderão utilizar o local 24h por dia para urgências e emergências pediátricas e transplantes de órgãos.

Os helicópteros que transportam crianças em condições graves de saúde ao Hospital Menino Jesus de Roma poderão aterrissar a partir de agora no heliporto vaticano para acelerar a internação dos pequenos pacientes.

Esta inovação, aprovada pelo Papa Francisco, será de grande ajuda para as crianças doentes ou feridas, e pode salvar muitas vidas.

O heliporto vaticano foi construído em 1976 por indicação de Paulo VI. É utilizado para viagens breves dos papas e por ocasião das visitas dos chefes de Estado ao Pontífice. O Papa não possui um helicóptero; é a Aeronáutica Militar Italiana que coloca um à disposição do Santo Padre quando necessário.

O heliporto papal, situado nos jardins vaticanos, está muito perto do Hospital Menino Jesus, que pertence à Santa Sé e é um dos melhores da Itália. E agora será utilizado dia e noite para urgências e emergências pediátricas e transplantes de órgãos.

Em breve, o heliporto vaticano será integrado à rede para a gestão de emergências da região do Lácio, cuja capital é Roma.

A presidente do hospital, Mariella Enoc, declarou: “Estamos agradecidos por esta disposição, sobretudo pelos numerosos pequenos pacientes procedentes de toda a Itália que, infelizmente, precisam chegar ao nosso hospital com urgência”.

E acrescentou: “Este é um gesto importante de caridade que responde a uma necessidade de saúde fundamental. A proximidade física entre o Estado da Cidade do Vaticano e o nosso hospital permitirá encurtar de maneira significativa o tempo de transporte, ajudando a salvar a vida de muitas crianças”.

Fonte: Aleteia