Atualidade

17 de Junho de 2015

Os próximos meses são os ideais para fazer bebés, diz a Ciência

Cientistas descobriram que o sémen está mais ativo durante os meses de julho e agosto, correspondendo a uma atividade duas vezes superior à registada em janeiro.

O calor, as mudanças sazonais e as alterações dos níveis hormonais, como a testosterona, são os principais ingredientes para quem quer começar a fazer bebés, revelam os responsáveis por este novo estudo, publicado no Chronobiology International.

Com 5188 homens a serem tratados por problemas de fertilidade e 11 anos de pesquisa, os cientistas do Centro de Incapacidade Reprodutiva do Hospital Universitário de Parma, norte de Itália, notaram picos de mobilidade no sémen durante o verão.

Um em cada seis casais enfrenta a infertilidade, que é definida pela incapacidade de conceberem um filho depois de um ano de tentativas, que poderá piorar progressivamente com o envelhecimento. A infertilidade masculina é responsável por metade dos casos, com a baixa mobilidade dos espermatozoides (inferior a 40%) a contribuir.

“Nós provámos a existência de uma variação sazonal em alguns aspetos funcionais do sémen humano”, confirma o Dr. Alfredo De Giorgi, mentor do estudo: Uma mobilidade de 50% no inverno, por exemplo, chega a mais de 65% no verão.

Fonte: Visão