Atualidade

9 de Fevereiro de 2015

Mulher que deu à luz bebé com síndroma de Down pede divórcio porque marido quer criar o filho

O caso passa-se na Arménia e já gerou uma onda de solidariedade através de crowdfunding para ajudar este pai. Trata-se de um casal que no final de Janeiro teve um bebé com síndroma de Down. A mãe, arménia, recusa criar o bebé e pediu o divórcio dias após o parto pois o pai, neozelandês, recusa abandonar a criança num orfanato, prática muito comum na Arménia perante crianças com deficiência.

“A minha mulher disse-me no dia em que nasceu o Leo que se eu ficasse ele, pediria o divórcio”, contou o pai.

Desesperado por se ver sozinho com o filho, Samuel Forrest lançou um pedido de ajuda no site GoFundMe. O valor pedido inicialmente (60 mil dólares) foi ultrapassado rapidamente e em 10 dias já atinge perto dos 200 mil dólares, continuando a receber doações.

No site, Forrest agradece a todos os que o estão a ajudar e já fez saber que o dinheiro será usado não só para regressar à sua terra natal com Leo e sustentar o filho, como para investir em campanhas e instituições que dêem condições às famílias na Arménia de criarem os filhos portadores de deficiência.

“Os fundos angariados vão servir para providenciar melhores condições de vida em Auckland e oferecer ao Leo boas oportunidades na sua educação e saúde. Ter uma boa casa e uma escola custa dinheiro e o Leo terá isto e muito mais graças a vocês”, escreveu o pai.

Fonte | Sol