Atualidade

23 de Julho de 2015

Mãe cria projeto inspirado no programa da PSP para localizar crianças

Mentora da pulseira “Segue-me” diz que processo da polícia não é fácil e leva algum tempo.

Chama-se “Segue-me” e é uma pulseira inspirado no programa da PSP “Estou Aqui”, criado para localizar crianças desaparecidas.

“Apesar da excelente iniciativa da PSP, todos os anos, ainda no início do Verão, o stock já tinha esgotado. Por outro lado, o processo não é fácil e leva algum tempo – fazer o pedido no site, registar os dados online, aguardar até 25 dias, ir levantar a pulseira a uma esquadra predefinida… haja tempo”, explica Sofia Montalvo, a mentora deste projecto criado há pouco mais de um mês.

“Sabendo por experiência própria que perder um filho, mesmo que por breves minutos, provoca a pais e filhos, um sentimento avassalador, surgiu a ideia de criar a ‘Segue-me’”, revela Sofia Montalvo, que trabalha há oito anos na empresa Michael Page e é mãe de dois filhos, o João Maria e o Tomás, com 5 e 3 anos, respectivamente.

“Além da sua utilidade imediata, é ainda uma óptima forma de pôr as crianças a aprender e decorar o número de telemóvel dos pais. Segundo os manuais de Segurança Infantil, é fundamental que as crianças aprendam cedo o seu contacto.”, salienta a fundadora do projecto.

Sofia Montalvo revela ainda que “para além do púbico em geral, a marca está direccionada para Escolas, ATL´s e outras Instituições públicas e privadas, para que em programas dentro ou fora de portas, as crianças estejam mais seguras.”.

“São muito confortáveis, ajustáveis à medida de cada criança. O sistema de fecho de nó e é totalmente resistentes à água.”, garante.

A pulseira “Segue-me” já está em Espanha, França, Holanda, Suécia, México, Brasil, Estados Unidos e Angola. Em apenas um mês, nestes países a pulseira já foi vendida a 98 pessoas. Em Portugal a marca já vendeu 438 unidades. Para divulgação a nível nacional, as primeiras 100 foram oferecidas.

De futuro, Sofia Montalvo revelou ao i que pretende “diversificar o produto, disponibilizando também a donos de animais, para o uso nos mesmos, e na criação de outro tipo de objectos, para além das pulseiras/fios.

A “Segue-me” está disponível em www.facebook.com/pulseirasegueme, onde pode encomendar uma pulseira, ou se preferir um fio com o número de telemóvel do Pai ou da Mãe, tendo a opção de incluir o nome da criança e informações adicionais (doenças e o grupo sanguíneo).

Fonte: Jornal i