Espaço Família | Como Cresceram

Atividades

18 de Março de 2014

Lisboa do lado de lá

Ali é o Terreiro do Paço, ali o sítio de onde partiam as naus dos descobrimentos, mais acima o castelo de São Jorge, mais ao lado Belém, que tem aqueles pastéis maravilhosos. Quem já correu mundo diz que não há vista como esta, da cidade do lado do Tejo. É bem capaz de ser verdade, nós é que nos esquecemos de olhar para ela com olhos de ver, e nada melhor para o fazer, do que uma travessia do rio. Para marinheiros pequeninos – quem sabe de primeira viagem, uma boa hipótese é apanhar um cacilheiro e ir até Cacilhas, Trafaria ou Porto Brandão. A travessia é curta, mas o Tejo é bom para contar histórias e Lisboa está cheia delas. Há barcos a partir do Cais do Sodré (para Cacilhas) ou de Belém (para a Trafaria), e cada menino deve levar uma máquina fotográfica (descartável, de preferência, não vá cair ao rio), para registar a “sua” vista de Lisboa, do rio, do barco e, no regresso, também da outra margem. Mais tarde, revelar as fotos e vê-las em papel, será mais uma boa aventura. O fim-de-semana chega com sol e a cidade e o rio estarão cheios de luz. É aproveitar.

Idades:  3-5 anos, 6-8 anos, 9-12 anos

Informação adicional:

Horários e preços no site da Transtejo.

Há também empresas que realizam passeios de barco pelo Tejo. São mais longos, mas também mais caros.

Aqui ficam algumas sugestões:

Lisboa Vista do Tejo

Leão Holandês

Principe Perfeito

Marlin Boat Tours

quarto-das-brincadeiras-logotipo