Espaço Família | Estamos Grávidos

Cuidados a ter no Pré-Parto

14 de Maio de 2013

Hoje inscrevemo-nos num curso de preparação para o parto

Estamos de 24 semanas! Começa a aproximar-se o momento de parto e demos por nós a pensar que nunca pegámos ao colo num bebé, nem percebermos muito bem como vai acontecer o parto e os primeiros tempos de vida do bebé em casa. A drª Carla aconselhou-nos a frequentar um curso de preparação para o parto para não ficarmos tão ansiosos, e muito honestamente achamos que é uma boa aposta. Pesquisámos muito dentro das opções que existiam na nossa área de residência. Depois de vermos as várias opções ficámos com a certeza que temos que frequentar um bom curso de preparação para o parto e para a parentalidade. Hoje vamos começar a 1ª aula.

Porquê frequentar um curso de preparação para o parto e para a parentalidade?
Actualmente, o nascimento de uma criança torna-se num desafio importante colocado aos futuros pais. A par com as alterações de papéis que irão sofrer, muitos casais irão ter pela primeira vez contacto com um bebé. A gravidez não é só a gestação biológica de um bebé, mas também um período de enormes transformações físicas e emocionais dos futuros pais. Este é um momento em que os casais estão particularmente vulneráveis a comentários, histórias e experiências de outros casais. Os segredos da maternidade, da arte de cuidar de bebés e da amamentação eram partilhados em família de uma forma informal, à vista de todos, das mulheres mais velhas para as meninas da família. Actualmente, com a mudança do paradigma das famílias, habitualmente nucleares, e o isolamento dos casais, muitas mulheres chegam ao parto sem nunca terem tido um bebé nos braços. A procura de informação sobre a gravidez, parto e os cuidados ao recém nascido torna-se, assim, numa necessidade para a maioria dos casais. Esta aprendizagem é muitas vezes realizada de forma informal e não estruturada, interiorizada pelas histórias relatadas de gravidezes e partos complicados, através da tradição oral. É, assim, comum encontrar muitas mulheres que chegam ao final da sua gravidez sem conhecerem o seu corpo e as modificações inerentes à gravidez e parto.
Os Cursos de Preparação Para o Parto e Parentalidade são neste sentido essenciais, não só pela componente prática de aprender a cuidar de um bebé ou por desenvolverem estratégias facilitadores do parto, mas também por serem um espaço de aprendizagem e partilha entre casais e entre o próprio casal, o que fomenta a sua relação. Estes acontecem sob a forma de encontros organizados, com aulas que se dividem entre as sessões teóricas e práticas, e que reúnem grupos de grávidas e respetivos companheiros.
São inúmeros os benefícios na realização de um curso de preparação para o parto:
• permitem aprender técnicas de respiração e relaxamento, que serão úteis durante as contrações e no momento do parto;
• os exercícios estimulam a preparar a musculatura para a gravidez, parto e pós parto;
• permitem desenvolver estratégias individuais de combate a ansiedade e os receios da gravidez;
• esclarecem questões relacionadas com a gravidez, parto, pós-parto e amamentação;
• permitem identificar os primeiros sinais de parto e a forma como agir nesse momento;
• fornecem dicas e conselhos úteis para o pós-parto, nomeadamente ao nível dos cuidados com o bebé.
Além da vertente teórica, as aulas de preparação para o parto assentam em sessões práticas, que, através de alguns exercícios e técnicas de relaxamento, deixam a mulher preparada, não só para o momento do parto, como também para lidar com os desconfortos e ansiedades da gravidez.
É importante procurar um Centro de Preparação para o Parto credenciado e regulamentado pela Entidade Reguladora da Saúde, que trabalhe em equipa multidisciplinar com experiência na área (médicos obstetras, enfermeiros obstetras, pediatras, psicólogos, nutricionistas, fisioterapeutas e especialistas no exercícios físico na gravidez e no pós parto), e que inclua nos cursos uma componente teórica e uma componente prática. A Ordem dos Enfermeiros e o Parlamento Europeu determinam que os cursos de preparação para o parto devem ser da responsabilidade dos enfermeiros especialistas em saúde materna e obstétrica, pela que a sua presença é imprescindível no curso.
Algumas componentes serão importantes constarem dos programas: a evolução do parto, as estratégias naturais de alívio da dor em trabalho de parto, cuidados ao bebé, amamentação, entre outros. É também importante proporcionarem acompanhamento ao casal durante a gravidez e após o nascimento do bebé, que inclua apoio presencial através de consultas ou apoio telefónico de suporte às dúvidas.
Hoje vamos começar o nosso curso de preparação para o parto e parentalidade no Centro Pré e Pós Parto.

cpp