Atualidade

20 de Outubro de 2014

Hoje é o Dia Mundial do Combate ao Bullying

A APAV vai assinalar o Dia Mundial do Combate ao Bullying, comemorado hoje, alertando para a importância de prevenir este fenómeno que “deixa grandes marcas na comunidade escolar” e nas vítimas.

Uma em cada três crianças, com idades entre os 13 e os 15 anos, em todo o mundo são regularmente vítimas de bullying na escola

“É um dia de alerta para continuarmos a sensibilizar a combater o bulling e a apoiar as suas vítimas”, disse à agência Lusa o presidente da APAV, João Lázaro.

A APAV “vai relembrar mais uma vez a necessidade da prevenção, relativamente aos jovens, deste fenómeno que está a deixar grandes marcas na comunidade escolar e em cada uma das suas vítimas”, acrescentou.

Segundo o estudo da Unicef sobre a violência contra crianças “Escondido à vista”, com base em dados de 190 países, uma em cada três crianças, com idades entre os 13 e os 15 anos, em todo o mundo são regularmente vítimas de bullying na escola.

João Lázaro sublinhou que é preciso consciencializar a sociedade para esta forma de violência e apoiar as vítimas para que denunciem as situações.

“É claramente uma questão de consciência e de consciencialização social de cada um dos pares, ou seja, haver um controlo social positivo, saudável, entre os alunos, os jovens para que isso não possa acontecer”, defendeu.

Passa também por consciencializar os jovens que façam “pressão social”, alertando quem faz bullying para o “errado e para as consequências” dos seus actos, frisou.

Mas, defendeu ainda, é preciso sobretudo “dar força a quem é vítima”, consciencializando-o de que “não tem de ser vítima” e que, com ajuda, pode acabar com a situação.

João Lázaro adiantou que ainda “há claramente muito medo de denunciar” estes casos, uma situação que poderá mudar, através de apoio dado nas escolas, de um trabalho de mediação e “do próprio conhecimento por parte das estruturas organizativas das escolas” destas situações.

No entanto, segundo o responsável, já começam a chegar à APAV algumas denúncias, sendo as “mais gravosas” feitas pelos pais.

No Dia Mundial de Combate ao Bullying, associação vai também “relembrar todo o trabalho de prevenção” que está a ser realizado nas escolas pela associação e por outras organizações e lembrar os jovens de que no site “APAV para jovens” têm informação sobre este tipo de violência.

Essa informação pode ser procurada de uma “forma confidencial” no site (www.apavparajovens.pt), “que dá informações sobre como compreender o fenómeno e como o jovem pode lidar com ele”, sublinhou João Lázaro.

Para assinalar a data, a APAV associou-se também ao jovem cantor D8 que vai lançar uma música sobre o tema, com o título “Vais conseguir”, que fala do que é ser vítima de bullying e como é conviver com essa situação no dia-a-dia de uma escola.

A APAV desenvolveu a campanha “Corta com a Violência”, salientando que “o combate ao Bullying não é uma tarefa de um dia nem de algumas pessoas, mas de todos os dias e de todas as pessoas”.

Fonte | Sol