Atualidade

17 de Dezembro de 2014

Férias são férias. Dê-lhes diversão, não lhes peça para estudar

De norte a sul, há programas para todos os gostos neste período de descanso das aulas. Escolha um que agrade às crianças.

Começam hoje as férias de Natal nas escolas. Por todo o país, há centenas de atividades para ocupar os mais novos, da arte ao desporto, pagas ou gratuitas. Portanto, não há razões para esta interrupção ser uma dor de cabeça para os pais. Se ainda não sabe como ocupar o seu filho, o melhor é apressar-se a escolher, porque corre o risco de não conseguir vagas. Tal como os adultos não gostam de trabalhar nas férias, as crianças querem tudo menos estudar. “Férias são mesmo férias. Devem fazer coisas bastante diferentes do que fazem na escola”, defende Fernanda Leopoldina Viana, especialista em psicologia da educação. Deixe-os relaxar, leve-os ao teatro, a visitar museus, exposições ou a participarem em oficinas de Natal. “Se houver essa possibilidade, pode ser divertido passarem uns dias com os avós.” Mesmo que não mudem de contexto, isto é, que não haja outra hipótese senão ficarem no ATL ou no jardim-de–infância, certifique-se de “que vão fazer atividades diferentes.”

Fonte | Diário de Notícias