Mães e Pais na 1ª Pessoa

Lénia Rufino 

Not so fast

Etapas

A minha filha mais velha está a terminar o pré-escolar. Melhor dizendo: é possível que a minha filha mais velha esteja a terminar o pré-escolar – faz anos em Dezembro, portanto só no final do mês que vem é que saberemos se vai para a primária ou se fica mais um ano na “pré”.
Na sexta-feira passada foi a festinha de final de ano do Jardim de Infância dela. As educadoras, as auxiliares, a coordenadora e as estagiárias andaram numa roda-viva organizar tudo. Mobilizaram um grupo de mães (destemidas, obviamente!) para fazer uma pequena actuação na festa. Ensinaram músicas e coreografias aos meninos. Vestiram-nos a rigor. E no dia da festa estava tudo perfeito.
Para nós, foi um orgulho vê-la em cima do “palco” a cantar, a dançar e a divertir-se com os seus colegas. Mas foi um orgulho ainda maior vê-la toda vaidosa, a segurar o seu diploma de final de ano. E dei por mim a pensar em mais uma etapa conquistada. Agora começa outra, maior, diferente. Este ano lançaram-se as bases: aprendeu a estar em aula, a trabalhar de forma ordeira, a conviver com os colegas e com as professoras. Sei que adora a escola e sei que tem uma enorme sede de aprender. Estou ansiosa por acompanhá-la nesta caminhada que se avizinha e que se prevê longa e cheia de coisas boas. Espero que ela se apaixone ainda mais por esta coisa de aprender.

STAMP produtos BC

Bolg Not So Fast