Mães e Pais na 1ª Pessoa

Filipa Cortez Faria 

My Happy Kids

Crescer faz parte

Este fim de semana, mais propriamente, sexta-feira resolvemos tirar uma das grades da cama de grades da C. Perante a indecisão de escolher a cama definitiva, protelei esta decisão até agora… e ainda não decidi… A C., do alto dos seus quase 3 anos, com um percentil de altura nos 75, ainda cabe na cama que a acompanha desde os 6 meses, mas não por muito mais tempo.

Escusado será dizer que desde este fim de semana que temos visitas lá para as 4h ou 5h da manhã, numa de “Então, vamos acordar e tomar o pequeno-almoço?” HELP!!!! Para ajudar, o S. também faz questão de marcar presença geralmente a partir das 2h-4h da manhã. Bendita a hora de que resolvemos comprar uma cama de 1,80m, na altura era pouco comum, hoje em dia nem por isso, mas com menos espaço não sei como seria… Dormir, ou melhor, tentar adormecer tipo múmia, daquelas que não se mexem, com uma lapa agarrada é qualquer coisa! Claro que é ótimo tê-los ali mesmo ao lado, claro que deveria levantar-me e ir pô-los nas respetivas habitaciones, o problema, ou melhor, os problemas são vários:
1. Já passo tão pouco tempo com eles;
2. Estou cheia de saudades;
3. Acho sempre que vai correr bem;
4. No tempo frio não apetece levantar e estar de plantão à espera que adormeçam novamente (OK, agora fico sem esta desculpa);
5. Estou cansada;
6. Tenho sono;

e a lista podia seguramente continuar… Claro que por vezes, especialmente agora, eu ou o P. agarramos neles e vamos deixa-los no local de origem, se bem que muitas vezes voltam…
Claramente um “problema”, uma melhor, uma situação a resolver :)
Vocês, como fizeram?!

1

A cama de grades da C. era do S., agora com as grades pintadas de branco. Uma foto da C. com 1 ano e do S. com 3 :)

Blog Filipa Cortez Faria Kids & Design