Espaço Família | Estamos Grávidos

Saúde

11 de Junho de 2015

Cesariana ou parto normal?

prematuro

Cesariana ou parto normal (vaginal)? Uma questão que se coloca a muitas mulheres e que exige que elas sejam bem informadas das vantagens e desvantagens de cada uma destas formas de nascer para poderem decidir (nas situações que tal for possível).

A organização mundial da saúde alerta para o elevado número de cesarianas que se realizam atualmente e recomenda que apenas 15% dos partos sejam realizados dessa forma. Em 2013 Portugal foi o terceiro país da Europa onde se realizam mais cesarianas com uma taxa de 38,5% sendo ultrapassado apenas pela Itália 38% e a Turquia 46%,   Já no Brasil a taxa foi superior a 50% .

A taxa de cesarianas nos hospitais particulares foi o dobro da taxa nos hospitais públicos. Muitas mulheres que chegam aos hospitais privados solicitam a cesariana por medo ao parto, por pensar que é um parto mais seguro e por terem feito uma cesariana que correu sem complicações no parto anterior.

A cesariana é uma intervenção cirúrgica que tem as mesmas complicações que uma cirurgia normal. E a razão deste alerta da Organização Mundial de Saúde para baixar o número de cesarianas realizado é por considerar que a prática destes procedimentos está a ser realizada de forma abusiva expondo a mãe e o futuro bebé a riscos desnecessários.

A SIC realizou uma reportagem intitulada “no tempo das cesarianas” muito interessante e esclarecedora para todas as mulheres e que aconselho a ver aqui.

Blog | O Meu Laboratório de Sonhos