Espaço Família | Como Cresceram

Receitas

11 de Junho de 2015

Água chalada, água de arroz e água de cenoura

gota

Apesar de todos falarmos nestas “águas”, muitas vezes temos dúvidas em como prepará-las. Por isso, decidi pôr aqui ajudar-vos com as “receitas”, para ser mais fácil.

Água Chalada

Num litro de água fervida (a ferver 10 minutos), adicione 1 colher de chá preto ou 1 saqueta, retirando após 30 segundos. Adicione 4 colheres de sopa de açúcar (amarelo ou mascavado) e 1 colher (das de café) de sal. Deixe arrefecer e ofereça à colher.

Água de Arroz

Num litro de água, junte 2 colheres (de sopa) de arroz não lavado. Deixa-se ferver até reduzir para metade (mais ou menos meio litro). Côa-se o arroz e junte mais meio litro de água fervida (volta a ficar 1 litro) e adicione 1 colher (de café) de sal. Com esta água de arroz podem constituir-se biberons (para fazer o leite), fazer papa ou até podem oferecer à colher.

Água de Cenoura

Num litro de água, adicione 1/2 Kg de cenouras, deixando cozer bem. Depois de cozidas, retire-as e adicione água até perfazer, novamente 1 litro. Junta-se 1 colher (de café) de sal. Tem igual utilidade que a água de arroz.

Dra. Paula Vara Luiz 

Pediatra | O Blog da Tia Paula 

É Diretora clínica da Clínica Paula Vara Luiz, serviços médicos, situada na Travessa do Forno 7-B 2050-114 Aveiras de Cima. É Médica especialista em pediatriaTrabalhou na Maternidade Alfredo da Costa, no Hospital de Santa Maria, Hospital de Santa Marta, Hospital de Dona Estefânia, Hospital da Horta (Açores), no Hospital de Vila Franca de Xira e Centro Hospitalar do Oeste (Torres Vedras). 

Anteriormente foi responsável pela Rubrica de Pediatria, semanalmente, da Rádio Lezíria, em Vila Franca de Xira. É autora de artigos para a Revista ÚNICA do Jornal Expresso. Atualmente exerce só medicina privada. Possui um vasto curriculum, com vários prémios nacionais e internacionais, assim como distinções. Encontra-se já com uma longa carreira, o que lhe permite uma grande experiência na prática clínica aliada ao seu “senso clínico”, tornando-a uma pediatra de excelência nos nossos dias.

© Ana Luisa Freire – Illustration and Graphic design