Espaço Família | O nosso 1º Filho

Beleza

21 de Abril de 2013

A importância das cores

Sete e meia da manhã… acordar dois anjinhos, tirá – los da cama…correria para o pequeno-almoço, lavar os dentes. Preparar as mochilas, assegurar que estamos todos dentro do carro a caminho da escola! Este é o nosso ritual matinal que termina com um beijinho de despedida à porta da escola. É este momento que me dá a energia para o resto do dia. Hoje, foi diferente… quando deixei o B. na escola e me preparava para receber o melhor beijo do mundo …” Estás bonita mãe…mas essa cor é esquisita!”

As cores, quer na roupa, quer nos acessórios, têm um papel fundamental na nossa aparência. Não só reflectem o nosso estado de espírito em determinado dia, como também podem mudar, radicalmente, o nosso ar. Certamente, já vestiu peças em dias que estava bem, e alguém lhe disse: “Estás bem? Estás com um ar doente”, ou, “Não deves ter dormido nada. Estás com umas olheiras gigantes”.

Uma Análise de Cores irá definir quais as cores que mais a favorecem, dando-lhe um ar mais jovem, leve, iluminado, chegando mesmo a eliminar traços de expressão, ou mesmo realçando a cor natural dos seus lábios. A cor errada irá criar os efeitos oposto. Dá-lhe um ar cansado, distorce traços, aprofunda traços de expressão e rugas.
Durante a Análise de Cores, poderá verificar, em frente a um espelho, com os seus próprios olhos, as diferenças que diferentes tons da mesma cor criam em si. A mesma cor em pessoas diferentes, tem resultados muito diferentes. O primeiro teste que pode fazer em casa, só para ver como os resultados variam de pessoa para pessoa, é pegar num lenço ou écharpe de uma só cor, ou maioritariamente de uma cor, e colocar à volta do seu pescoço. Veja o resultado no espelho e observe as sombras, se existentes, no seu rosto. Depois, passe o mesmo item a outra pessoa (do mesmo sexo ou não), e veja o diferente resultado.

Seguem-se alguns exemplos abaixo de casos onde a cor faz toda a diferença.

consultora_imagemBilly Nighy

No caso do actor Bill Nighy, a cor da camisa fez toda a diferença. Na primeira foto, a usa pele está amarela e macilenta. As marcas de expressão estão muito marcadas, e chega a ter um ar doente. Na imagem com a camisa azul, o actor apresenta uma pele de cor saudável, rosada, bem como uns lábios com cor, e o rosto até parece mais fino.

consultora_imagem2Hillary Swank

Na primeira foto de Hilary Swank, vemos apenas uma mancha amarelada. O cabelo, os lábios, os dentes e a pele, são todos influenciados pelo vestido dourado, que não a beneficiam em nenhum aspecto.
Já na segunda imagem, “Depois”, a actriz aparece com uma cor de cabelo mais escura, criando um contraste bonito com a sua pele, que ficou visivelmente iluminada e rejuvenescida com o vestido prateado.

No exemplo acima, os contrastes são notados, claramente, numa pele asiática, que, naturalmente, tem uma pigmentação mais amarelada.
Na primeira imagem, a actriz tem um ar extremamente cansado, e quase desaparece com o vestido, pois fica com um ar pálido. Se olharmos com cuidado, conseguimos ver, no seu rosto sério, uma marca no lado esquerdo do rosto.
Por outro lado, na imagem da direita, a actriz é vista. Está presente. A tonalidade da pele ganhou vida, e, agora, sorrindo ao de leve, praticamente não são detectadas as linhas, anteriormente marcadas.

Estes são apenas 3 exemplos distintos, mas cada caso é um caso. E não é por sermos morenas, que o vermelho nos fica (sempre) bem. Ou, não é por sermos asiáticas, que vamos passar a só vestir preto. Dentro da mesma raça, as cores variam. E só saberemos quais as nossas cores, após uma Análise de Cores.
Com a Análise de Cores, ficará a saber quais as cores que mais o/a valorizam, e poderá usá-las em roupa, maquilhagem, verniz, cor de cabelo e acessórios. Depois, é só andar com a sua palete de cores consigo, cada vez que for às compras.
Ana Pena

Consultora de Imagem